Link-o-rama 7/12/2013 – tudo ao mesmo tempo agora!


Não esqueci de vocês não, só que tenho trabalhado pacas, estudado música pacas e ganhando dinheiro me divertindo pacas. A bem da verdade, considero que ainda estou mais na fase do INVESTIMENTO do que do RETORNO. Mas o investimento está começando a se pagar, então acredito que o retorno VEM. Enfim. Esse post não é pra isso.  Esse post é pra manter vocês atualizados do mundo. Ou pelo menos do MEU mundo:

– Trabalho em família: esse pai (e excelente colorista), deu um UP nos desenhos dos filhos. O resultado é bem divertido, veja com seus próprios olhos.

– Meio mundo lembrou de mim com essa matéria sobre uma cidade na Suécia onde as pessoas vivem como se estivessem nos anos 50. Por que será? Hein? Hein? Sério, recebi esse link ALGUMAS vezes. E adorei todas! 🙂

– A Zellig lançou coleção nova inspirada no surrealismo, com uma pitada de kitsch. A D!versa aderiu. E eu também.

– Constatei que, por mais que eu sempre tenha sido uma criança inteligente e com múltiplos talentos, e que tenha crescido em um lar onde meus pais me apoiariam em qualquer decisão que eu tomasse – ou seja, se quisesse ser ASTRONAUTA teria conseguido – UMA coisa é certa: ainda bem que eu não decidi ser mulata Globeleza. Seria muita frustração, minha gente. ESSE talento e aquele corpaço eu, definitivamente, não tenho (a melanina a gente até dá um jeitinho).

Fiz novos bambolês.

– Sábado dia 7 (tipo HOJE, né?) tem show do Uisqueletos no Rio de Janeiro. Desta vez, animaremos a festa Oh! Play that thing no Saloon 79, em Botafogo. dia 15, domingo, voltaremos ao Saloon para fechar com chave de ouro o evento Zebra Significa.  Acompanhe nossa página no facebook para mais detalhes!

– E você achava que aquele programa todo editado, só porque tem uma câmera apontada pra não-atores, era reality show. Reality show é ISSO, amigo: pessoas passando 13 horas fazendo TRICÔ, 18 horas numa PESCARIA DE SALMÃO… só na Noruega mesmo.

– Morreu Nelson Mandela. Morreu o Gerson, do boteco da Lapa, de uma maneira altamente estúpida (assalto à mão armada. maior m****). E, com isso, passei as últimas horas me perguntando: o que posso fazer por alguém pra ajudar a diminuir a criminalidade, já que depender do Estado nem sempre adianta? Ajudar a educar? Levar arte e cultura para crianças? Mostrar que existem outros caminhos possíveis, universos divertidos, criativos e que podem até se desdobrar em trabalho? É uma. Xou pensar aqui em algo. Aceito sugestões.

No mais, é isso aí. Queria escrever mais, contar mais dos meus projetos bacanésimos aqui, mas me lembrei que o tempo que eu gastaria ESCREVENDO SOBRE é mais ou menos o tempo que uso pra BOTAR EM PRÁTICA. Segunda opção, entonces.

Last but not least, nunca frequentei muito o NãoSalvo, mas inventar um aplicativo polêmico (Tubby, um app criado para difamar a mulherada) pra sambar na cara da mídia-que-não-apura e de toda uma geração de internautas que sai por aí autorizando dados sem nem o lance EXISTIR é simplesmente genial.  Vocês estão de parabéns.

Bom fim de semana!

wpid-Phonto_Sophia_Canopus.jpg