Perdendo a linha no baile


Lembra desse post sobre surf music e go-go dance?

O último vídeo era a sequência de abertura de “Psycho Beach Party”, comédia de 2000 baseada numa peça B de teatro baseada, por sua vez, nos filmes de praia dos anos 60. Eu ia dizer ‘um dos meus filmes recentes favoritos’ até me tocar que daqui a pouco “Psycho Beach Party” faz quinze anos e que meu conceito de recência está ficando deturpado com a idade. Enfim.

“Psycho Beach Party” é recente, mas os filmes de praia dos anos 1960 acho que não, né? Tudo bem. Eu gosto de coisa antiga mesmo – e sou fascinada pelas sequências de encerramento dos filmes de praia mais famosos daquela década. Ou pelo menos dos quatro primeiros, três deles com a rainha do twist, Candy Johnson, falecida no ano passado. Sim. Quem me conhece sabe que me amarro numa dancinha. E, gente, quem resiste a Candy Johnson dançando na sequência de encerramento de “Beach Party”, de 1963?


http://www.youtube.com/watch?v=GgkEFtBJ-wE

Ou na sequência dos créditos de “Praia dos músculos”, acompanhada do jovem Little Stevie, aquele que seria conhecido como Stevie Wonder alguns anos mais tarde?


http://www.youtube.com/watch?v=6tpOOLX2-dY

Se você, assim como eu, não cansa de ver Candy Johnson dançando, agora na sequência de “Praia dos Biquínis”, de 1964.


http://www.youtube.com/watch?v=sBPnihoZdR8

E aí Candy Johnson foi substituída pela cocota Susan Hart nos créditos finais de “Eu, ela e o pijama”. Mais CARNUDA, é verdade, mas dançando não é a mesma coisa:


http://www.youtube.com/watch?v=zfBomkCM8o4

De bônus pra você, segue um take da gurizada perdendo a linha na pista enquanto Little Stevie Wonder canta:

http://www.youtube.com/watch?v=QwQ58PU2cVQ

Por favor, Youtube, não morra jamais.